Agenciador de cargas: o que é e se vale a pena contratar

GESTÃO LOGÍSTICA 29/08/2022

O agenciador de cargas é um importante parceiro das transportadoras, em especial em fretes de longas distâncias, como no caso de deslocamentos internacionais, por exemplo.

Essa parceria é de fundamental importância para atender às demandas dos embarcadores, contribuindo para abastecer a cadeia de suprimentos de empresas de diversos setores.

No entanto, na hora de contratar esse serviço, é preciso analisar seus prós e contras. E para ajudar você a entender se vale a pena contratar um agenciador de carga, preparamos este conteúdo. Acompanhe!

Entenda qual o papel do agenciador de cargas

O agenciador de carga exerce o papel de intermediário entre a empresa que precisa transportar mercadorias e o motorista que executa de fato o transporte. Essa atividade pode ser desenvolvida tanto por uma pessoa física como jurídica.

Esse profissional trabalha como terceirizado das transportadoras, pois não possui carga própria. Dessa forma, é responsável somente por intermediar a negociação para transportar a carga conforme contratado, recebendo uma comissão para isso.

Confira como funciona o pagamento do agenciador

O serviço de agente de cargas é contratado, de modo geral, para atender transportes que demandam soluções de logística integrada, ou a utilização de mais de um modal de transporte.

Como é uma solução que pode reduzir o tempo de viagem, é comum que os gestores de transportadoras contratem e coordenem o serviço, otimizando a operação logística da empresa.

A remuneração do agenciador de carga é variável, incidindo entre 10% e 30% do valor do frete. E é comum que alguns profissionais façam a cobrança de uma taxa fixa para repassar a carga para o motorista.

Esse valor pode variar dependendo da negociação e rota começando em R$100,00 e chegando até em 1.200,00 reais para o território nacional.

Planilha de Cálculo de Frete de Retorno. Baixar agora!

Saiba quais as vantagens e desvantagens do agenciador de cargas

Como toda intermediação de serviços, a contratação do agenciador de carga possui seus prós e contras. Acompanhe a seguir!

Vantagens do agenciamento

Um agenciador de cargas atende às demandas da transportadora e do embarcador com agilidade, sem a necessidade da operação logística estar centralizada com um mesmo operador. Além disso, não é preciso contratar serviços adicionais.

Saiba mais sobre as vantagens de contratar um agenciador de carga a seguir!

Melhoria no fluxo de atividades

Ao contratar o agenciador de carga, o transportador conta com prestadores de serviços experientes, o que assegura um fluxo eficiente das atividades de frete.

Isso acontece porque eles possuem uma rede de relacionamento bastante forte e, com isso, é possível aproveitar bem uma grande quantidade de motoristas, com diferentes tipos e tamanhos de caminhões.

Maior agilidade

A contratação do agenciador de cargas torna possível personalizar o transporte de carga com maior agilidade. Além disso, otimizam a parte burocrática que envolve a elaboração de um projeto de logística integrada/multimodal, proporcionando mais agilidade aos fretes contratados.

Outro benefício é que os agenciadores ainda possuem parceiros logísticos espalhados em outras localidades e até países, viabilizando a inserção da empresa no comércio exterior através de importações/exportações para qualquer parte do mundo.

Redução de custos

Ao contratar esse serviço, as transportadoras têm a oportunidade de reduzir o custo de captação de profissionais adequados.

A contratação de caminhoneiros autônomos também proporciona às transportadoras processos menos burocráticos. Isso acontece porque essas contratações acontecem conforme a demanda e, dessa forma, é possível considerar as sazonalidades do mercado.

Também vale salientar que os custos de manutenção de veículos são dos motoristas contratados e, dessa forma, a empresa não tem esse custo.

Distribuição inteligente e econômica

Ao contratar os serviços do agenciador de cargas, a gestão da transportadora otimiza os processos logísticos operacionais e pode se dedicar a atividades mais estratégicas do negócio.

Desvantagens do agenciamento

Do ponto de vista do transportador, não deter o controle de 100% da operação, pode ser considerado um ponto negativo.

Mas, ao contrário do que você possa estar imaginando, as desvantagens do serviço de agenciador de cargas fica por conta do motorista, principalmente se levarmos em consideração a alta no preço dos combustíveis, que tem inviabilizado algumas operações.

Veja detalhadamente a seguir!

Taxas e comissões com custo elevado

O valor da comissão do agenciador de carga pode ser de até 30%, o que faz com que o frete não compense para alguns motoristas.

Isso porque, depois de descontados os gastos com a comissão, combustível, estadia, pedágio e alimentação na estrada, o valor embolsado pode não ser significativo para manter a qualidade do serviço e a manutenção do caminhão.

Dificuldade de negociação

Ainda do ponto de vista do agenciador de cargas, pode haver dificuldade de negociação, uma vez que as transportadoras podem ter suas preferências de profissionais, fechando o mercado para novos agenciadores, por exemplo.

Como reduzir custos no transporte de cargas
Baixe agora nosso ebook Como reduzir custos no transporte de cargas

Conheça a solução moderna e econômica da Buonny

A Buonny, com o objetivo de proteger a operação da transportadora, criou o Cadastro.

Essa solução representa a evolução do serviço de cadastro de motoristas, pois é capaz de detectar se o motorista que deseja contratar é idôneo ou um meliante se passando por um profissional para desviar a carga. Para isso, utiliza a tecnologia de reconhecimento facial, ferramenta baseada em inteligência artificial e automação.

Uma solução pensada por quem já tem vasta experiência no mercado e atua como líder em gerenciamento de riscos no transporte de cargas.

Assim, com o Cadastro, você faz a consulta dos motoristas de forma instantânea, sem abrir mão da qualidade de análise que garante a segurança que a sua operação precisa.

Compartilhar esse artigo:
LinkedInFacebookTwitter

Entre em contato