SCM: o que é, principais funcionalidades e vantagens

GESTÃO LOGÍSTICA 21/09/2023

No universo da logística empresarial, é comum nos deparamos com uma série de siglas, que fazem parte do cotidiano da gestão de transportes. Mas, nem sempre é possível lembrar de todas elas. Assim, se você está se perguntando SCM o que é, está no lugar certo!

O termo é referente à Gestão da Cadeia de Suprimentos, e surge como um fator determinante para o sucesso das empresas. Logo, conhecê-lo e aprender como ele pode agregar no dia a dia da sua operação de transporte é fundamental.

Neste conteúdo, você vai entender o que é SCM, quais as suas funcionalidades e seus benefícios para a gestão logística. Acompanhe a leitura até o final!

O que é SCM?

Supply Chain Management (SCM), em uma tradução para o português significa Gestão da Cadeia de Suprimentos. O termo se refere a todas as atividades e processos envolvidos na gestão de produtos e serviços, desde a origem do fornecimento de matérias-primas até a entrega do produto final ao cliente.

O objetivo central do SCM é otimizar a eficiência, minimizar custos e melhorar a qualidade ao longo de toda a cadeia de suprimentos, garantindo que os produtos certos estejam disponíveis no momento e no local certo.

Isso envolve a coordenação de diversas partes interessadas, como:

  • Fornecedores;
  • Fabricantes;
  • Distribuidores e varejistas.

Com todas as partes sincronizadas, é possível criar uma cadeia de suprimentos eficiente para atender às demandas do mercado.

Como surgiu o SCM?

O SCM surgiu como uma disciplina organizacional no final do século XX, impulsionada por mudanças significativas no ambiente de negócios e avanços tecnológicos.

O conceito teve suas raízes na evolução da logística e da gestão de operações, conforme as empresas buscavam maneiras mais eficientes de coordenar e otimizar suas atividades de produção e distribuição.

Durante a década de 1980, a globalização dos mercados e a crescente complexidade das cadeias de suprimentos levaram à necessidade de uma abordagem mais estratégica para a gestão desses fluxos de materiais e informações.

A explosão da tecnologia da informação e o desenvolvimento de sistemas de computador avançados nas décadas de 1980 e 1990 desempenharam um papel fundamental na expansão do SCM.

Assim, o uso de software e sistemas de gestão permitiu às empresas rastrear, analisar e otimizar suas cadeias de suprimentos de maneira mais eficiente.

Hoje, o SCM é uma disciplina essencial em praticamente todos os setores, com empresas de todos os tamanhos buscando formas de aprimorar a eficiência, reduzir custos e melhorar a satisfação do cliente por meio da gestão estratégica de suas cadeias de suprimentos.

Planilha de Controle de Entrega. Baixar agora!

Quais os benefícios de uma boa gestão da cadeia de suprimentos?

É importante entender que uma boa Gestão da Cadeia de Suprimentos oferece uma série de benefícios significativos para as empresas, incluindo:

Redução de custos

Uma SCM eficiente permite a otimização de processos e recursos, resultando em redução de custos operacionais. Isso inclui a minimização de estoques em excesso, uma melhor gestão do transporte e uma maior eficiência na produção, todos contribuindo para economias significativas.

Melhoria da qualidade e eficiência

A SCM ajuda a garantir que os produtos certos estejam disponíveis no momento e no local certo, melhorando a qualidade e a eficiência dos processos. Isso resulta em menor desperdício, menor retrabalho e um aumento na satisfação do cliente.

Maior satisfação do cliente

Ao atender às demandas do cliente de forma eficiente, entregando produtos de alta qualidade e cumprindo prazos de entrega, a SCM aumenta a satisfação do consumidor, fortalecendo a fidelização e a reputação da marca.

Maior agilidade e adaptabilidade

Uma boa gestão SCM permite que as empresas se adaptem rapidamente às mudanças nas condições de mercado, como flutuações na demanda ou interrupções na cadeia de suprimentos. Isso melhora a capacidade de resposta a eventos inesperados e a tomada de decisões informadas.

Competitividade no mercado global

No atual ambiente de negócios globalizado, uma SCM eficiente é essencial para competir com sucesso em escala internacional. Ela ajuda as empresas na expansão das operações de forma global e no aproveitamento de oportunidades de crescimento.

Quais as funcionalidades do SCM?

O Supply Chain Management é uma disciplina complexa que engloba diversas funcionalidades, mas podemos citar três principais, que incluem:

Planejamento estratégico da cadeia de suprimentos

Uma das principais funcionalidades do SCM é o planejamento estratégico, que envolve:

  • A definição de metas de longo prazo;
  • Estratégias de aquisição;
  • Alocação de recursos;
  • Tomada de decisões estratégicas para garantir que a cadeia de suprimentos esteja alinhada com os objetivos globais da empresa.

Isso inclui a definição de fornecedores, estratégias de produção, armazenamento e distribuição.

Gestão de estoques e inventários

O gerenciamento de estoques é uma funcionalidade crítica do SCM, envolvendo o monitoramento e controle eficiente de níveis de estoque.

Isso inclui a decisão sobre quando e quanto reabastecer, minimizando estoques em excesso, ao mesmo tempo em que assegura que os produtos estejam disponíveis para atender à demanda dos clientes.

Logística e distribuição

A logística é uma parte essencial do SCM, incluindo o planejamento e a execução de operações de transporte, armazenamento e distribuição. Isso abrange:

  • A otimização de rotas de transporte;
  • A gestão de armazéns e centros de distribuição;
  • A coordenação de entregas;
  • A monitorização do fluxo de mercadorias ao longo da cadeia de suprimentos.

Essas três funcionalidades fundamentais do SCM desempenham um papel crucial na criação de uma cadeia de suprimentos eficiente, permitindo que as empresas atendam às demandas do mercado, reduzam custos operacionais e alcancem seus objetivos estratégicos.

Diferença do SCM para a Gestão Logística

Quando falamos sobre SCM é preciso ter em mente que o Supply Chain Management e a Gestão Logística são termos relacionados, mas diferem em seus escopos e focos.

Enquanto a Gestão Logística se concentra principalmente na movimentação física e no armazenamento de produtos ao longo da cadeia de suprimentos, o SCM é uma abordagem mais ampla e estratégica que abrange todas as atividades, desde a aquisição de matérias-primas até a entrega final ao cliente.

O SCM envolve não apenas a logística, mas também a coordenação de informações, finanças, estratégia e colaboração com todas as partes interessadas da cadeia de suprimentos, visando otimizar o fluxo de materiais e informações, reduzir custos e melhorar a satisfação do cliente.

Portanto, a Gestão Logística é uma parte essencial do SCM, mas este último vai além, incorporando uma visão mais holística e estratégica da gestão de toda a cadeia de suprimentos de uma empresa.

Agora que você sabe a resposta para o que é SCM e como ela contribui para uma maior eficiência na operação de transporte, siga essas dicas e conte com a tecnologia para melhorar os processos logísticos da sua empresa!

Para isso, conheça as soluções da Buonny. Somos referência em soluções para gestão logística e gerenciamento de riscos no transporte de cargas.

Trabalhamos com sistemas e softwares de alta tecnologia que garantem maior eficiência no controle logístico e na gestão de transportes. Clique aqui e converse com nossos especialistas para entender como podemos trazer mais produtividade, segurança e eficiência para sua operação.

Compartilhar esse artigo:
LinkedInFacebookTwitter

Entre em contato