Telemetria veicular e seus benefícios para a gestão de frota

TECNOLOGIA 21/09/2023

Diante de desafios que envolvem infraestrutura e segurança para as operações de transporte, a telemetria veicular se torna uma ferramenta essencial para o sucesso nas frotas.

Além disso, com um mercado exigente e de altos custos, as empresas do setor precisam investir em novas tecnologias para manter os negócios e satisfazer os clientes.

Para prevenir acidentes e melhorar a performance da frota, a telemetria veicular identifica pontos críticos da operação e leva ao aprimoramento das atividades.

Em um país recordista de acidentes de trânsito, contar com ferramentas que ampliem a segurança e evitem prejuízos faz toda a diferença. E não é só isso: a telemetria é capaz de reduzir os custos operacionais.

Confira a seguir no conteúdo quais os principais benefícios e o diferencial de utilizar a telemetria veicular na frota. Boa leitura!

O que é telemetria veicular?

A telemetria veicular é uma solução que coleta informações e dados de veículos através de equipamentos e softwares.

Assim, o gestor de frota consegue analisar a performance do veículo e do motorista, com insights para melhorar a operação.

Através de um sistema de telemetria veicular também é possível acompanhar a operação em tempo real, identificar situações de risco e tomar decisões com maior agilidade e assertividade, com foco na segurança e na redução de custos.

Muito usado nos carros de corridas de Fórmula 1, o sistema tecnológico faz o monitoramento e repasse de dados de forma instantânea, levando à obtenção de relatórios sobre localização, tempo, conduta do motorista, etc.

Imagine então os benefícios dessa tecnologia nas operações de logística de transporte rodoviário de cargas, um setor altamente vulnerável a prejuízos causados por ineficiência e acidentes.

Cenário brasileiro de acidentes nas estradas

Um trânsito mais seguro é fundamental para o desenvolvimento do setor de transporte rodoviário de cargas no Brasil. As ocorrências nas rodovias levam a custos sociais e econômicos bastante significativos.

Segundo o Painel CNT de Consultas Dinâmicas dos Acidentes Rodoviários, da Confederação Nacional do Transporte, em 2022, foram contabilizados 64.447 acidentes. Dentre esse número, 52.948 tiveram mortos ou feridos. A imprudência e a imperícia estão entre as principais causas.

Os números comprovam a necessidade de ações para reduzir os acidentes e a importância do uso de novas tecnologias como aliadas na prevenção dos riscos, cuidados com a carga e preservação de vidas.

Tipos de telemetria veicular

Existem dois tipos de sistemas que captam as informações dos veículos através da telemetria. Eles podem ser analógicos ou digitais. Entenda a diferença:

  • Sistema analógico: sensores são instalados em diferentes partes do veículo que serão analisadas.
  • Sistema digital: o computador de bordo coleta as informações de forma simples. Em veículos pesados esses dados são gerados através de uma rede conhecida como CAN (Controller Area Network). Neste tipo de telemetria, os sensores não precisam ser instalados e os dados são repassados com mais agilidade.

Diferença entre telemetria veicular e rastreamento

A telemetria não pode ser equiparada a um sistema de rastreamento. Isso porque ela envolve outros recursos além desse. São eles:

  • Velocidade do veículo;
  • Frenagem, aceleração e curvas;
  • Relatórios;
  • Atividade elétrica ou do sensor;
  • Envio de alertas e mensagens;
  • Imagens da câmera do painel, dentre outros.

Já o sistema de rastreamento, normalmente feito por GPS, é o principal e único componente de um sistema telemático. Ele não engloba os recursos da telemetria, por exemplo.

Planilha de Acerto de Motorista. Baixar agora!

Vantagens da telemetria veicular nas operações logísticas e de transporte

Os benefícios da telemetria são inúmeros, contemplando principalmente a segurança na operação, gestão da frota e redução de custos. Confira quais são as principais vantagens dessa ferramenta para o aprimoramento dos resultados da frota.

Controle de gastos do veículo

O sistema ajuda a entender quais fatores fazem a frota gastar mais combustível e permite a tomada de decisões para a redução dos custos.

Redução de custos em manutenção

Define a causa dos desgastes nas peças dos veículos e facilita o planejamento de manutenções de maneira inteligente.

Acompanhamento das médias da frota

Com a telemetria é possível acompanhar as médias de velocidade e RPM (rotação por minuto), entender e monitorar o desempenho e a efetividade de cada veículo.

Aprimora as oportunidades de negócio

A coleta de dados reais e precisos leva ao planejamento de custos de forma mais assertiva, evita surpresas e torna a operação mais consistente, gerando novas oportunidades.

Redução de acidentes

Com a coleta automatizada de dados e a comunicação remota em tempo real, a telemetria permite o melhor gerenciamento dos riscos e ganhos concretos em produtividade.

Menor ociosidade da operação

As operações prolongadas em marcha lenta prejudicam o motor e levam a um desgaste maior das peças. Com a telemetria é possível aumentar a produtividade controlando a marcha lenta.

Menos tombamentos

Ao detectar a aceleração lateral dos veículos com o uso de sensores, o sistema de telemetria permite mapear as áreas com maior risco de tombamento e a criação de regras específicas com alertas para os motoristas.

Acompanhamento do desempenho do motor

A telemetria possibilita o monitoramento contínuo dos principais indicadores do motor, com alertas para as variações nos padrões previamente estipulados.

Antecipação de falhas

O diagnóstico remoto permite a análise dos parâmetros do veículo em tempo real e orienta a tomada de ações preventivas e ágeis, reduzindo as falhas na operação.

Como usar a tecnologia para aumentar a segurança no transporte de cargas e evitar acidentes nas rodovias
Baixe agora nosso ebook Como usar a tecnologia para aumentar a segurança no transporte de cargas e evitar acidentes nas rodovias.

Gerenciadora de risco e a telemetria veicular para reduzir acidentes e melhorar a segurança nas frotas

Agora que você já entende as vantagens da telemetria veicular, saiba que você pode melhorar os resultados da frota aliando essa tecnologia com outras soluções.

Como é o caso de contar com a ajuda de uma empresa gerenciadora de risco. Assim, você tem profissionais especialistas identificando informações e trazendo melhorias para minimizar os riscos na sua operação.

Diante do número de soluções oferecidas pelo mercado e a digitalização de serviços, interpretar um grande número de dados pode ser um grande desafio. Por isso, as gerenciadoras oferecem profissionais e sistemas eficientes para tomar decisões de forma assertiva.

Dessa forma, ao contratar uma empresa de gestão de riscos como a Buonny, é possível:

  • Modernizar a gestão logística;
  • Aumentar a visibilidade em cada etapa da operação;
  • Otimizar a operação a partir da roteirização de cargas e redução no consumo de combustível;
  • Acompanhar as entregas em tempo real com softwares de gestão logística;
  • Monitorar as viagens com alertas sobre qualquer ocorrência durante o trajeto;
  • Utilizar tecnologias para o rastreamento, como o uso de iscas eletrônicas;
  • Gerir frotas e selecionar fornecedores;
  • Otimizar processos internos, armazenagem, embarque e entregas;
  • Planejar e mapear os riscos;
  • Reduzir os sinistros (roubos e acidentes) e, consequentemente, os custos;
  • Aumentar a produtividade a partir da diminuição dos prazos de entrega;
  • Melhorar os índices de performance;
  • Satisfazer e fidelizar os clientes.

Agora que você já entende a importância e necessidade da telemetria e da gestão de riscos para prevenir sinistros na frota, melhore o desempenho da sua operação. Conte com a Buonny, somos líderes em gerenciamento de riscos para o transporte de cargas, oferecendo soluções aliadas à mais alta tecnologia.

Minimize riscos, reduza os custos e melhore a sua performance. Clique aqui e converse agora com nossos especialistas para entender qual a melhor solução para aumentar os resultados do seu negócio.

Compartilhar esse artigo:
LinkedInFacebookTwitter

Entre em contato